Motorhead - Fóssil ganha nome em homenagem a Lemmy


Cientistas homenagearam Lemmy, do Motörhead, ao batizar em agosto desse ano um fóssil com 5,8 metros de comprimento que viveu no Período Jurássico com o nome Lemmysuchus, que significa algo como "Crocodilo de Lemmy". O fóssil foi descoberto no começo do século XX e analisado recentemente por Michaela Johnson, Paleontologista da Universidade de Edinburgh. Sua conclusão é que a espécie havia sido classificado incorretamente e por isto precisava de um novo nome.


A curadora do Museu Natural de História, Lorna Steel, sugeriu que o fóssil ganhasse um nome em homenagem ao vocalista e baixista da banda. "Embora Lemmy tenha falecido no final de 2015, acreditamos que ele gostaria de fazer um brinde ao Lemmysuchus - uma das criaturas marinhas mais duronas que habitou o planeta. E como fã de longa data do Motorhead, estou emocionada de ter a oportunidade de imortalizar Lemmy desta forma", disse Lorna.

Veja abaixo uma representação artística do Lemmysuchus.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.